super glamorosas

Isto é uma espécie de bar de NY, ultra sofisticado, nós todas a cair de lindas e elegantes! Só para quem gosta muito da Cláudia e, ao mesmo tempo, tem capacidade para brincar com as coisas sérias que estão a acontecer. Para ver quem tem os Manolos + giros, para debater quem usa a cor de verniz mais estonteante, e até, quem sabe, para podermos dizer umas coisas + a sério!

Monday, May 24, 2010

Vizinhos


É já amanhã, dia 25, que se comemora o Dia Mundial dos Vizinhos.

E nós somos “vizinhas” de blogues e amigas na realidade.
Pelo que venho relembrar, em nome de todas as SG que estamos sempre aqui prontas a dar um miminho, um sorriso, uma notícia (aliás muitas notícias) a todas as amigas desta cadeia virtual. Como dizíamos há um ano “não interessam as raças, religiões e politiquices. Não interessa se é loiro, moreno ou ruivo, não interessa se é cabeludo ou careca. Não interessa se tem penas, pelos ou escamas...”

Encontrei este texto na net bem interessante sobre os vizinhos:

Vizinho - " Quem fala aqui é o vizinho do 1003. Recebi, outro dia, consternado, a visita do zelador, que me mostrou a carta em que o senhor reclamava do barulho em meu apartamento. Recebi depois a sua própria visita pessoal - devia ser meia-noite - e sua veemente reclamação verbal. Devo dizer que estou desolado com tudo isso, e lhe dou inteira razão. O regulamento do prédio é explícito e, se o não fosse, o senhor ainda teria ao seu lado a Lei e a Polícia. Quem trabalha o dia inteiro tem direito ao repouso noturno e é impossível repousar no 903 quando há vozes, passos e músicas no 1003. Ou melhor, é impossível ao 903 dormir quando o 1003 se agita, pois como não sei o seu nome nem o senhor sabe o meu, ficamos reduzidos a ser dois números, dois números empilhados entre dezenas de outros. Eu, 1003, me limito a leste pelo 1005, a oeste pelo 1001, ao sul pelo Oceano Atlântico, ao norte pelo 1004, ao alto pelo 1103 e embaixo pelo 903 - que é o senhor. Todos esses números são comportados e silenciosos; apenas eu e o Oceano Atlântico fazemos algum ruído e funcionamos fora dos horários civis; nós dois apenas nos agitamos e bramimos ao sabor da maré, dos ventos e da lua. Prometo sinceramente adotar, depois das 22 horas, de hoje em diante, um comportamento de manso lago azul. Prometo. Quem vier à minha casa (perdão, ao meu número) será convidado a se retirar às 21:45 e explicarei: O 903 precisa repousar das 22 às 7 pois às 8:15 deve deixar o 783 para tomar o 109 que o levará até o 527 de outra rua em que ele trabalha na sala 305. Nossa vida, vizinho, está toda numerada; e reconheço que ela só pode ser tolerável quando um número não incomoda outro número, mas o respeita, ficando dentro dos limites de seus algarismos. Peço-lhe desculpas - prometo silêncio......mas que me seja permitido sonhar com outra vida e outro mundo, em que um homem batesse à porta de outro e dissesse: ´Vizinho, são 3 horas da manhã e ouvi música em tua casa. Aqui estou.´ E o outro respondesse: ´Entra, vizinho e come do meu pão e bebe do meu vinho! Aqui estamos todos a bailar e cantar, pois descobrimos que a vida é curta e a vida é bela´.E o homem trouxesse sua mulher e os dois ficassem entre os amigos e amigas do vizinho entoando canções para agradecer a Deus o brilho das estrelas e o murmúrio da brisa nas árvores e o dom da vida, e a amizade entre os humanos, e o amor e a paz."

O curioso é que até já existe um sítio sobre os vizinhos: http://www.vizinhos.eu/index2.html

11 Comments:

At 24/5/10 2:59 PM, Blogger Nela said...

Hehehe, Isalenca, viva a vizinhança (os meus, nem os conheço...)

 
At 24/5/10 2:59 PM, Blogger Lina Querubim said...

Boa tarde Isa,
muitas vezes nos prédios as pessoas não se conhecem mesmo, no meu prédio somo 9 inquilinos e só falamos com alguns. Cada vez mais os prédios são mais altos e com mais apartamentos e ninguém conhece ninguém!!!
Se por acaso acontece algo e nos sentimos mal, não é um vizinho a 1ª opção mas é a pessoa que está mais perto.
A vida é assim!
Beijinhos e um bom dia!

 
At 24/5/10 3:01 PM, Blogger Lina Querubim said...

Ohhhhhhhhhhhhhhhhh Nela não conheces porque ninguém quer!!!!!
Sabem bem o que a casa gasta :p e olha láaaaaa eu sou o teu Carma? Ou o teu Karma?
Quem dera muitas terem o prazer da minha presença nem que seja pelo telele :p fui!!

 
At 24/5/10 6:27 PM, Blogger IsaLenca said...

Yoga melhora o sono de sobreviventes de cancro in Portal Oncologia
Os sobreviventes de cancro que fizeram yoga suave durante quatro semanas melhoraram a qualidade do sono e sentiam-se menos cansados durante o dia, noticia o site UPI.com.

Além disso, também tomaram menos fármacos para dormir e avaliaram melhor a sua qualidade de vida do que os sobreviventes que não fizeram yoga, disse a investigadora Karen Mustian, da University of Rochester Cancer Center.

Os cientistas designaram, de forma aleatória, 410 pacientes para receber ou os cuidados habituais de acompanhamento após tratamento médico, ou para fazer uma aula de yoga de 75 minutos, duas vezes por semana. A idade média dos pacientes era de 54 anos e cerca de três quartos tinham sido tratados ao cancro da mama.

Após quatro semanas, os sobreviventes de cancro que fizeram yoga relataram menos problemas de sono e menos fadiga.

Mas não ficou claro se as formas mais árduas do yoga trarão os mesmos resultados, disse a investigadora, que vai apresentar os resultados na reunião anual

 
At 24/5/10 8:13 PM, Blogger Cinda said...

Por aqui, ainda se vão conhecendo alguns vizinhos, nem que seja só nas reuniões do condomínio.
Ainda moro numa terra em que as pessoas se cumprimentam, nem que seja apenas um bom dia ou boa noite. Ainda hoje tenho vizinhos a quem posso pedir um raminho de salsa.

 
At 24/5/10 10:31 PM, Blogger Cristina J. said...

Olha... e eu até ando triste: o único vozinho de jeito (leia-se "bom comó milho!), que há aqui na rua vai-se mudar já em Agosto!

Nunca mais me vou esquecer dele a cortar a relva... em calçõess de banho, eheheheheh
Belo morenaço!

Enfim... bibam os vizinhos/as.

bjs a todas

 
At 24/5/10 11:34 PM, Blogger IsaLenca said...

Que saudades dos teus comentários ... At´nos fizeste imaginar a cena!

 
At 25/5/10 1:02 PM, Blogger IsaLenca said...

Cancro da mama: Hospital de S. João/Porto inicia programa de apoio personalizado a doentes

Porto, 25 mai (Lusa) - O Hospital de São João, no Porto, tem disponível desde hoje um programa de acompanhamento personalizado a doentes com cancro da mama desde o momento do diagnóstico até ao fim do tratamento.

"É o próprio hospital que vai entrar em contacto com as doentes para saber como é que elas estão, como é que se estão a sentir", explicou à Lusa a diretora do Serviço de Oncologia do "S. João", Margarida Damasceno.

Denominado "Tempo de Viver", o projeto conta com uma equipa de enfermeiros especializados em oncologia, que irão "apoiar, acompanhar e fazer sentir a estas doentes que é tempo de viver, que têm de viver cada segundo, valorizar as coisas boas e reagir positivamente a elas", sublinhou Margarida Damasceno.

O programa vai funcionar através de contactos telefónicos regulares que vão ser efetuados por uma equipa de enfermeiros especializados do Hospital de S. João, que vão disponibilizando informação "clara e completa" de acordo com as orientações médicas.

Margarida Damasceno disse ainda à Lusa que as doentes poderão também contactar o hospital, através de uma linha telefónica específica, para "tirar dúvidas e orientar alguma alteração".

O acompanhamento incide, sobretudo, na fase do tratamento de quimioterapia, que é "a fase mais complexa e mais assustadora do longo percurso que o doente terá de fazer", sublinhou a médica.

"A enfermeira funcionará também como o elo de ligação, uma vez que, sempre que necessário, as doentes serão encaminhadas para psicologia ou para o médico", salientou a diretora do Serviço de Oncologia do "S. João".

A responsável acrescentou que o programa inicia-se com as doentes com cancro da mama, mas o objetivo é alargá-lo a outras patologias.

No âmbito desta iniciativa, que resultou de uma parceria entre o "S. João" e a Roche Farmacêutica, foram também já produzidos diversos folhetos com informação útil que pretende responder às principais dúvidas e questões dos doentes e seus familiares.

"O que é o cancro?"; "Falar com os meus filhos sobre cancro", "Vencer os efeitos emocionais do cancro"; "Ultrapassar a queda do cabelo" e "Ultrapassar a falta de apetite", são dúvidas esclarecidas nesses folhetos.

Para Francisco Pimentel, diretor do Centro de Mama do Hospital de São João, o projeto é de "particular interesse, pois representa um valor acrescentado no apoio, segurança e acompanhamento aos nossos doentes".

"O programa insere-se na filosofia deste centro e acreditamos ser uma aposta ganha", sublinhou Francisco Pimentel.

 
At 25/5/10 3:23 PM, Blogger Lina Querubim said...

Boa viagem Chicken !!!!
Até já e aproveita um cadinho ;o) beijokas

 
At 26/5/10 3:13 AM, Blogger May Alek said...

Beijos, Isalenca. Gostei desse texto.
Aqui ainda se tem alguns vizinhos, uns poucos com quem falamos, mas nenhum morenaço! Uma pena.

 
At 26/5/10 11:39 AM, Blogger Silvana Nunes .'. said...

Nossa, agora vocêr me fez lembrar a época em que meu marido teve de ser síndico do prédio onde morávamos. Um terror. Nunca vi tanta gente mal educada reunida.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja uma boa semana para você.
Saudações Educacionais !

 

Post a Comment

<< Home